Encantamento – Poderoso tipo de feitiço



  

Há muitos séculos são usados certos tipos de energias em rituais para 'encantar' espadas, correntes, amuletos e afins, com o propósito de proteger ou deixar imantado estes objetos ou elementos como um Pó ou "Poções Mágicas", para o uso destes instrumentos pessoais e 'encantados' em feitiços.

Os Encantamentos abrangem diversas religiões e seitas, como Indígenas, Xamâmicas, Umbanda e diversas outras. Na Bruxaria objetos e amuletos são bem elaborados e muito utilizados, sempre precedidos destes tipos de rituais. Pode-se até mesmo encantar lugares e animais específicos, tornando-os portais de entrada no campo oculto.

Na Índia o encantamento é muito bem realizado e difundido no país inteiro, onde doenças são curadas e toda a sorte de malefícios espirituais são manipulados e transmutados, indo de encontro com a harmonização do ambiente ou a satisfação pessoal.





Dizem que o mais poderoso dos feitiços é o encantamento, por ser feito com particularidades de preces, conforme cada praticante, sem seguir regras ou ordem de lugar e elementos.

Isto é o encantamento: um jogo de palavras, elaboradas com fé e conhecimento, utilizando o oculto e usadas como preces, em busca de proteção, realização ou imantação. Em tempo lembro que o conhecimento para fazer os encantamentos vêm de estudos, fé e mediunidade; sem esses elementos se tornam apenas um conjunto de palavras sem efeitos. É necessário ter esse triângulo, pois diferente das simpatias, não é um pedido de ajuda, e sim, uma ordem de manipulação.

Por Ivi Izys



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *