Signos e finanças – Como cada signo age em tempos de crise



  

Cada signo tem sua característica em situação financeira difícil.

Nos últimos meses acompanhamos o Brasil em destaque. E não pense que são os pontos turísticos os alvos. A turbulência política e econômica tem movimentado não só a visão do Brasil, mas também a visão mundial. Com esses problemas nos rodeando, temos a obrigação de achar uma saída: administrar bem o nosso dinheiro.

A tarefa pode parecer complicada, mas pode ficar mais fácil à medida que se conhece o que cada signo reserva. É isso mesmo! O zodíaco pode ajudar o brasileiro a lidar com essa situação.

Saiba agora como o seu signo lida com suas finanças em tempo difíceis:

– Áries:

Apesar de ter o impulso como característica, o ariano não é muito consumista. Mesmo assim, não custa nada evitar a tentação em tempos de crise. Com energia e espírito de liderança, indivíduos de Áries sabem lidar com problemas financeiros, já que têm conhecimentos para reverter situações do tipo. Atenção apenas nos negócios, pois decisões muito ousadas podem envolver grandes riscos.

Touro:

O taurino gosta de desfrutar dos prazeres materiais para viver bem. Porém, se for preciso ele coloca a mão na massa para garantir o que deseja. Sendo assim, em tempos de crise, os nativos de touro sabem lidar com a situação. Sempre acompanham o noticiário econômico, de onde tiram conhecimentos para fazer bons investimentos, o que minimiza a possibilidade de riscos.

– Gêmeos:

Em tempos de crise, o geminiano pode ganhar um dinheiro extra no comércio, pois os gastos dele são feitos em boas livrarias e cursos – elementos que ajudam a alimentar seu lado intelectual. Com isso, ele pode orientar os investimentos e até a maneira de como gastar de quem não sabe administrar. Além disso, o nativo de Gêmeos é extremamente versátil e pode trabalhar em diversas frentes para levantar recursos.

Leia também:  Horóscopo Capricórnio 2017 - Previsões do Signo para o Ano

– Câncer:

Prudência! Essa é a palavra que o canceriano deve ingerir em tempos de crise. Por sentir-se protetor e provedor, os gastos altos sempre recaem sobre os carrinhos do supermercado, já que é um prazer ver a despensa lotada. Saber lidar com a crise para o nativo de Câncer pode ser difícil, pois um dos seus maiores desafios é controlar a ansiedade e a preocupação excessiva com o bem-estar da família.

– Leão:

O leonino tem como lado bom o investimento, pois nunca deixa de investir, de forma consciente e bem pensada. Sendo assim, geralmente constrói patrimônio e tende a ampliá-lo com sagacidade. O problema é o desejo repentino de consumo mesmo quando as finanças não vão bem. Por isso, os nativos de Leão devem tomar cuidado com jogos que envolvam prêmios em dinheiro e necessitam investir em seu maior potencial, que é a criatividade.

Virgem:





O virginiano sabe lidar muito com situações de crise. E sai do sério quando algum gasto sai do seu rigoroso controle. Em tempos de crise, é ainda mais comedido. Os nativos de Virgem nessas situações se deparam com apenas um desafio, que é continuar usando seus melhores contatos para estabelecer boas parcerias, fazendo isso abrir novas oportunidades.

Libra:

Por ser apaixonado pela estética e pela beleza, o libriano pode exceder nos gastos com a aparência de modo geral. É claro que isso deve ter um equilíbrio por conta da crise, mas pode também ter um lado positivo no plano das conquistas financeiras do libriano. Para driblar os problemas da crise, nativos de Libra devem contar com o dom para o comércio, onde devem utilizar a intuição para farejar bons negócios. Assim, com a sua facilidade, conseguem abrir novos contatos.

Leia também:  Horóscopo de Áries para setembro de 2016

– Escorpião:

Sair gastando como se não houvesse amanhã não é, definitivamente, uma atitude que combina com o nativo deste signo. Mesmo com essa vantagem, o escorpiano pode passar apuros em tempos de crise. Os nativos de Escorpião têm recursos psicológicos tão poderosos que conseguem reverter as situações mais dramáticas. E quando não utilizam essa ferramenta acabam descendo ladeira abaixo. Quem é do signo deve lembrar-se que o conhecimento é o caminho mais seguro para obter sucesso.

– Sagitário:

Gastar com ou sem necessidade é um dos grandes prazeres do sagitariano. Além disso, não pensa muito antes de investir. Em tempos de crise, a saída é pensar duas vezes antes de gastar e tomar algumas doses de estratégias. O nativo de Sagitário possui talento intelectual e o carisma, que podem o tornar beneficiário da crise que o Brasil está vivendo.

– Capricórnio:

O capricorniano por ser ambicioso apresenta ideias inovadoras. E por conta dessa característica, sabe bem onde aplicar o rico dinheirinho que ganha com tanto suor. E o melhor, acompanha o mercado e evita riscos. Por isso, em época das vacas magras, o nativo de Capricórnio saberá lidar com a situação. Só terá um desafio, que é controlar a ansiedade.

– Aquário:

O aquariano não é acostumado a elaborar estratégias para lidar com as próprias dificuldades financeiras. E isso será um grande problema, caso a situação se agrave. Outras desvantagens é que os nativos de Aquário podem gastar sem se dar conta, perder dinheiro ou emprestar. No quesito emprestar, ele se esquece de pedir de volta. A saída é continuar usando a intuição para ganhar dinheiro, não se esquecendo de colocar os dois pés bem fincados no chão.

Leia também:  Horóscopo Aquário 2017 - Previsões do Ano para o Signo

– Peixes:

Tomado pela emoção, os piscianos devem tomar cuidado com os interesseiros, já que quando se trata de dinheiro, os nativos do signo não sabem nem quanto carregam no bolso, quem dirá na conta bancária. Com isso, os gastos são feitos apenas pelas necessidades emocionais. Nativos de Peixes, quando estão neste estado, podem fazer empréstimos sem data de devolução ou mesmo assinar documentos sem ver. Pintou investimento? Esteja atento às oscilações do mercado.

Por Flavinha Santos



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *