Massagem em bebê – Shantala




Original do Sul da Índia a técnica Shantala foi desenvolvida há milhares de ano, e tradicionalmente era transmitida de mãe para filha e praticada como parte dos cuidados diários com seus filhos.


A beleza e harmonia dos movimentos  dos efeitos dessa massagem reporta o bebe para as sensações dos movimentos intra-uterinos, proporcionando bem estar e relaxamento, aumenta a integração e ligação entre a mãe e o filho.

A prática da Shantala requer alguns importantes pré-requisitos como carinho, dedicação e paciência. Não existe uma receita pronta, cada bebê é único e percebe o toque de forma diferente. O ambiente deve ser  preparado com uma temperatura agradável, cerca de 26ºC, silencioso e deve ser destinado um tempo de no mínimo  vinte minutos para realizar os movimentos.

O contato com o bebê poderá ser iniciado antes mesmo do nascimento através de massagens na barriga. Depois do nascimento, o bebê poderá receber a massagem completa após o primeiro mês de vida.

Por Silvane Romero

Leia também:  Faces ocultas - Misticismo, Religiosidade e Terapias Holísticas

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.